Um novo capítulo na história centenária do nosso Hospital vem sendo construído. Para isso, todos os esforços estão sendo debruçados sobre muito trabalho, dedicação e geração de conhecimento.

Em busca de uma gestão técnica e de relações de trabalho prazerosas, tiveram início uma série de palestras e capacitações voltadas aos funcionários da instituição que nesse primeiro momento visam aflorar valores de esperança e entusiasmo em um único propósito: a reabertura do Hospital. E somado a isso o resgate do entendimento que cada profissional tem na construção de um novo jeito de ofertar saúde; de encantar o seu paciente.

Ainda emocionados com o encontro dessa manhã, o que podemos registrar foram falas de muito entusiasmo e esperança: “Dias de renovação e alegria, com a clareza do que podemos ser, com trabalho em conjunto e empenho”. “O Hospital do nosso sonho pode ser uma realidade”. “Estamos aqui para servir, para pensar no coletivo, esse é o nosso dom” “Reacendeu a chama da esperança”. “Somente pelo outro seremos, teremos e alcançaremos nosso dom maior que é servir”. “Coração acalentado”.

Para os próximos dias treinamentos e reciclagens específicas para os setores estão sendo programadas, buscando adequar e melhorar os processos de trabalho e adotar as melhores práticas.

As capacitações e palestras fazem parte da metodologia de trabalhado desse novo momento do HNSA, sua Provedoria, Padre Moacir Ramos Nogueira e Rodolpho Brandão, juntamente com a nova empresa administradora do HNSA, o Instituto Solidário. Nessa primeira semana pudemos contar com os conhecimentos e experiência de Maria do Rosário Chequer (Coordenadora de Projetos em Saúde) Flávio Kataoka (Médico e Consultor em Projetos de Saúde), Fernanda Albuquerque (Enfermeira) Cristina Costa (Especialista em Faturamento) e de Patrícia Favero (Coach em Desenvolvimento Humano).

Deixe uma resposta

Your email address will not be published. Required fields are marked *
You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>